COLUNA MG

02 de Outubro

Rede de Notícias Sindijori MG
  1. Festlingerie vende R$ 5,3 milhões
        A 16ª edição do Festival de Lingerie de Juruaia (Festlingerie), encerrado na semana passada e realizado pela primeira vez online, movimentou cerca de R$ 5,3 milhões em vendas, segundo a Aciju, a Associação Comercial e Industrial de Juruaia. Um recorde em comparação com a edição física do ano anterior. Foram seis dias de desfiles de quase 50 lojas. O presidente da associação comentou também que o Festlingerie abre uma excelente temporada de vendas para as empresas de Juruaia, por conta da proximidade do verão e do Natal. (Folha Regional – Muzambinho)
     

  2. Democrata alerta sobre golpista 
        Em nota oficial, o Democrata Futebol Clube de Sete Lagoas alertou sobre uma pessoa que se passando por um renomado empresário do meio futebolístico, está assediando jogadores Brasil afora prometendo a “profissionalização” mediante pagamento de uma quantia em dinheiro. No entanto, é golpe. “O Democrata repudia qualquer ato dessa natureza e não corrobora com atitudes como essa”, diz a nota do clube (Sete Dias – Sete Lagoas)
     

  3. Sessões de volta pelo Youtube
        O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), por meio da 3ª Vara da Fazenda Pública em Uberlândia, determinou a imediata transmissão de todos os atos da Câmara Municipal pelo YouTube, seja das sessões legislativas, audiências públicas ou dos demais atos de ofício. Conforme consta no documento, a Casa suspendeu as sessões presenciais por conta da pandemia de Covid-19, buscando evitar a proliferação do vírus da cidade. (Diário de Uberlândia).
     

  4. Homens brancos são maioria nas chapas
        Apesar do número recorde de mulheres candidatas à Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) – são cinco -, os homens ainda são a maioria e encabeçam seis chapas: 55% do total. Curiosamente, quando se observado o eleitorado da cidade, o cenário é exatamente o oposto. Dos 410.339 eleitores aptos a participarem do processo eleitoral, as mulheres são 223.796 e respondem por 55% do universo de votantes. Considerando o estado civil, seis são casados (55%); quatro, divorciados (36%) e uma, solteira (9%). (Tribuna de Minas - Juiz de Fora).
     

  5. Mais de 35% pediu auxílio
        Desde abril o Governo Federal tem pagado o auxílio emergencial como forma de apoio a economia e a população durante o período de pandemia. Em Juatuba, 10.426 pessoas estavam aptas a receber o auxílio emergencial. Desse total, 10.183 efetivamente estão recebendo, sendo que 2.429 são parte do Bolsa Família e 2.011 registrados no CadÚnico. Já foram encaminhados à cidade R$ 15.761.400 destinados ao pagamento do benefício nos meses de maio a julho. Tem direito ao pagamento de R$600, 8.671 pessoas. (Jornal de Juatuba).
     

  6. Fundação com vagas de Residência
        A Fundação São Francisco Xavier informa que receberá inscrições para Residência Médica 2021 do Hospital Márcio Cunha, em Ipatinga e Hospital Municipal Carlos Chagas, em Itabira no período de 6 a 20 de outubro. São 15 especialidades para residência no HMC, entre elas, anestesiologia, cardiologia clínica, cirurgia geral, clínica médica, ginecologia e obstetrícia. (Diário do Aço – Ipatinga)
     

  7. Simulado anual é realizado
        A Companhia Brasileira de Alumínio (CBA) realizou o simulado anual de emergência da barragem de Itamarati de Minas, no dia 29, e de Miraí, em 1º de outubro. Devido à pandemia da Covid-19, o simulado foi reformulado para garantir a segurança e a saúde de todos os envolvidos, seguindo as orientações da Organização Mundial da Saúde de prevenção e de distanciamento social. O formato da realização do exercício adotado pela CBA chamou a atenção do alto comando da Defesa Civil do Estado de Minas Gerais, que esteve presencialmente em Itamarati de Minas. (Gazeta de Muriaé). 
     
    Prefeituras se mobilizam por volta de cirurgias
        Desde o início da pandemia do novo coronavírus, as cirurgias eletivas estão suspensas para garantir a segurança dos pacientes e para não sobrecarregar o sistema de saúde. Porém, a longa espera deixa aflitos aqueles que precisam de algum procedimento que faz muita diferença na vida do paciente. O Norte de Minas tem aproximadamente 30 mil procedimentos represados, segundo levantamento da Associação dos Municípios da Área Mineira da Sudene (Amams). (O Norte de Minas - Montes Claros).
     

© 2021 Sindijori - Criado com o  Wix.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now