COLUNA MG

04 de Setembro

Rede de Notícias Sindijori MG
  1. 400 mil veículos pela BR040
    As rodovias do grupo Invepar iniciam suas operações especiais para os dias do feriado da Independência do Brasil. Desde ontem até a volta do feriado, no dia 7 de setembro, são esperados na BR-040 mais de 400 mil veículos. Para garantir a fluidez do trânsito e a segurança de motoristas que vão utilizar a BR-040 rumo aos principais destinos turísticos de Minas Gerais, Rio de Janeiro e Goiás, a concessionária irá reforçar o quadro de equipes e de viaturas. O fluxo de veículos nos dias de operação representará, em média, um aumento de cerca de 25% em relação ao tráfego em dias normais. (Correio da Cidade - Conselheiro Lafaiete).
     

  2. Praças sem o isolamento em Caratinga
    A prefeitura removeu o isolamento das praças de Caratinga. Conforme o executivo, a reabertura de praças está prevista para os municípios que se encontram na “Onda Amarela” prevista no Plano Minas Consciente. Apesar da reabertura, executivo afirma que intensificará a fiscalização para que os usuários sigam as orientações de distanciamento. (Diário de Caratinga)
     

  3. Ipatinga debate retorno às aulas 
    Representantes da Comissão Interinstitucional estiveram reunidos para  discutir os protocolos para a futura volta às aulas na rede municipal de ensino de Ipatinga – que ocorrerá somente no momento em que houver entendimento de que ela poderá se dar de forma mais segura. A Secretaria de Educação, informa que se ocupa da preparação das medidas que serão implantadas nas unidades escolares na ocasião oportuna. (Diário do Aço – Ipatinga)
     

  4. 11 mil recebem auxílio em Caeté
    Pelo menos um quarto dos cerca de 45 mil habitantes de Caeté está recebendo o auxílio emergencial criado durante a pandemia do coronavírus. Entre abril e julho, 11.126 moradores da cidade foram contemplados com o benefício de R$ 600 (ou R$ 1.200 para mães solteiras). Os pagamentos transferidos aos assistidos caeteenses, de acordo com a Controladoria Geral da União, somaram, durante o período analisado, R$ 19.167.600,00. Em termos percentuais, 24,6% dos habitantes de Caeté recorreram ao dinheiro disponibilizado pelo governo federal. (Jornal Opinião – Caeté)
     

  5. Simpas vai sanar irregularidades
    Na sessão de terça-feira, 1, a Primeira Câmara do Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCEMG) fez determinações e recomendações ao diretor do Sistema Municipal de Previdência e Assistência ao Servidor (Simpas) de Barbacena e ao prefeito da cidade, para sanar as irregularidades encontradas na auditoria realizada na instituição. (Folha de Barbacena).
     

  6. Planos para voos em Ipatinga 
    Com a demora para o início das obras no aeroporto de Ipatinga pela empresa vencedora da licitação, a Azul planeja retomar suas operações na cidade apenas após a conclusão da reforma. A volta dos voos regulares da companhia, no entanto, está sujeita ao início da restauração do pavimento da pista e das novas sinalizações ainda em outubro.  Antes da pandemia, Ipatinga respondia por, em média, cinco voos diários da Azul para Belo Horizonte, que movimentavam cerca de 15 mil clientes ao mês. Sem as operações aéreas regulares, os clientes do Vale do Aço ficam dependentes de longas viagens rodoviárias até Governador Valadares. (Ascom)
     

  7. Comércio vai abrir no feriado 
    Após um acordo que foi formalizado entre o sindicato patronal e o sindicato dos trabalhadores, todo o comércio poderá funcionar no feriado do dia 7 de Setembro, que será na próxima segunda-feira. Ficando facultado ao empresário a decisão de abrir ou não sua loja. Porém, segundo a CDL Divinópolis, para o funcionamento dos estabelecimentos que optarem pela abertura, algumas regras devem ser seguidas com base na convenção coletiva. (Divinews – Divinópolis)
     

  8. Alto Rio Pardo reduz população
    Conforme os novos dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas – IBGE, a microrregião Alto Rio Pardo teve cinco municípios com redução de população: Indaiabira com 12 pessoas a menos, Águas Vermelhas com 18 habitantes a menos; Santa Cruz de Salinas com 37, Fruta de Leite com 70 pessoas a menos e Rubelita, que perdeu 197 habitantes. Outros 12 municípios da região registraram aumento da população, sendo que Taiobeiras registrou o maior aumento na região, com 265 habitantes a mais, seguida de Salinas, com 172 pessoas a mais. (Jornal Regional - Alto Rio Pardo).
     

© 2017 Folha da Manhã - Criado com o  Wix.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now