COLUNA MG

11 de março

Rede de Notícias Sindijori MG

Transporte público em greve

Trabalhadores do transporte público de Uberlândia iniciaram, na madrugada de ontem, uma greve para manifestar contra o pagamento parcelado dos salários. A paralisação foi informada pelo Sindicato dos Trabalhadores no Transporte Coletivo Urbano (Sinttrurb). O presidente do Sindicato, Marcio Dulio de Oliveira, divulgou um vídeo informando que tinha acabado de sair de uma reunião com as empresas responsáveis pelos ônibus para tentar negociar a situação dos salários. “Mesmo com o encontro e apresentação de propostas, nós percebemos que as empresas não têm intenção de acatar ou apresentar uma proposta descente aos nossos trabalhadores”, explicou. (Diário de Uberlândia)


 

Praças interditadas em Congonhas

A Prefeitura de Congonhas divulgou um comunicado no qual informa o bloqueio de todas as Praças centrais do município. A mensagem, que foi publicada no site oficial do poder executivo congonhense, usa como justificativa para a medida, “evitar a aglomeração de pessoas em virtude da pandemia de Covid-19”. A decisão foi tomada em conjunto com a Secretaria Municipal de Saúde, a Secretaria de Gestão Urbana e com a coordenação da Diretoria de Trânsito e apoio da Guarda Civil Municipal. Congonhas está na Onda Vermelha para o coronavírus de acordo com a classificação do Programa Minas Consciente. (Correio da Cidade- Conselheiro Lafaiete)


 

Cefet incubará projeto de aeronave

Um contrato de parcerias e atividades de incubação foi assinado entre a Desaer - Desenvolvimento Aeronáutico e o Cefet/MG –Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais, Campus Araxá, por meio da Nascente Incubadora de Impacto de Base Tecnológica do Cefet Araxá. Esta é uma parceria entre a Prefeitura de Araxá com o apoio do Governo de Minas Gerais, através do Codemge, Cefet-MG e a Desaer. As condições do contrato regulamentam a utilização, pelos integrantes do Projeto Residente, da estrutura física, do suporte técnico e do apoio técnico-administrativo oferecidos pela incubadora. (Correio de Araxá)


 

Conselho de Saúde notifica prefeito

Diante do aumento de casos de covid-19 em Divinópolis e dos dados epidemiológicos da cidade, o Conselho Municipal de Saúde (CMS) notificou o prefeito, Gleidson Azevedo (PSC), nesta quarta-feira, 10, e solicitou que o chefe do Executivo revisse as estratégias de enfrentamento à pandemia adotadas pelo Município. Em um ofício enviado ao gabinete do prefeito, o conselho afirmou que desde o início deste ano, a pauta covid-19 tem sido relativizada em Divinópolis, em detrimento à preservação das atividades econômicas da cidade. Ainda segundo o CMS, é necessário que o Município adote medidas sanitárias potenciais, que consigam diminuir a velocidade de contágio da doença na cidade, que hoje se encontra em 1,04. (Jornal Agora- Divinópolis)


 

Azul tem voo diário em Valadares

Em razão do aumento do número de casos da Covid-19 em todo território brasileiro, o Aeroporto Coronel Altino Machado passa a contar com apenas um voo a partir de abril. A redução se deve à queda na demanda de passagens aéreas em nível nacional, o que motivou a empresa Azul Linhas Aéreas a reestruturar sua malha aérea, impactando diretamente o aeroporto local. Diante disso, Governador Valadares passará a contar com apenas um voo, às manhãs, com pouso às 9h35 e decolagem às 10h20. Vale ressaltar que essa decisão pode mudar a qualquer tempo, a depender do cenário da pandemia do novo coronavírus no país. (Diário do Rio Doce- Governador Valadares)


 

MOC compre respirador e libera equipamentos

A Secretaria Municipal de Saúde comprou um respirador pulmonar, no valor de R$ 47,2 mil, conforme extrato 083/2021 publicado no Diário Oficial desta quarta-feira, 10, no Processo 084/2021 com a dispensa de Licitação 012/2021, onde foi comprado na empresa Medical-Hosp. Isso vem reforçar o acervo tecnológico da saúde, que nessa semana repassou 18 respiradores ao Hospital das Clínicas e Prontosocor. Este último ainda recebeu um tomógrafo e ressonância, para atender aos pacientes com Covid-19 de Montes Claros. Também esta semana, Montes Claros ainda tenta conseguir mais 10 leitos hospitalares. (Gazeta Norte Mineira- Montes Claros)


 

Hospital de Campanha é descartado

A Gerência Regional de Saúde (GRS) de Itabira orientou a Prefeitura de João Monlevade, por meio da Secretaria de Saúde, a não dar continuidade ao Hospital de Campanha, que começou a ser construído no prédio da Policlínica (antigo PA), pela administração da ex-prefeita Simone Carvalho. Segundo o órgão, a falta de auxílio e apoio diagnóstico, a dificuldade para contratação de profissionais para atender o setor e a ausência de infraestrutura adequada do local, estão entre os principais motivos para que o Hospital de Campanha não seja concluído. (Jornal A Notícia- João Monlevade)

© 2021 Sindijori - Criado com o  Wix.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now