COLUNA MG

12 de Novembro

Rede de Notícias Sindijori MG
  1. Poços recebe R$ 40,5 milhões
        De acordo com o Painel Coronavírus, Poços de Caldas recebeu, de março a outubro, R$ 40.584.399,62 para o enfrentamento e combate à covid-19, tendo gasto, até o momento, R$ 17.497.761,63 (em outubro foram R$ 1.860.041,46). Os valores foram disponibilizados pelo Fundo Nacional de Saúde (FNS), Ministério da Saúde e doações. A prefeitura publicou, no Diário Oficial do Município desta terça-feira, 10, a notificação de recebimento de recursos federais, estaduais e também de doações. A divulgação é para conhecimento da comunidade, partidos políticos, Sindicatos de Trabalhadores e entidades empresariais. (Jornal Mantiqueira- Poços de Caldas) 
     

  2. IF Sudeste comemora os 110 anos 
        O Instituto Federal Sudeste de Minas Gerais comemorou nesta segunda-feira, 9, os 110 anos de existência do Campus Barbacena. Em comemoração, vai ser lançado pela Direção um e-book fotográfico, reunindo fotos artísticas que trazem como tema a beleza da instituição. O idealizador do projeto foi o Diretor-geral do Campus Barbacena, que também é um ex-aluno e professor efetivo, Marcelo José Milagres de Almeida. O instituto foi criado no ano de 1910 pelo Doutor Diaulas Abreu, recebendo o nome de "Aprendizado Agrícola de Barbacena", porém seu funcionamento teve início apenas em 14/06/1913. (Folha de Barbacena) 
     

  3. Roscoe recebe honraria
    O presidente da Federação das Indústrias de Minas Gerais, Flávio Roscoe, participou da solenidade de imposição da Medalha do Mérito Marechal Cordeiro de Farias, honraria conferida pela Escola Superior de Guerra (ESG). A Medalha do Mérito Marechal Cordeiro de Farias foi assim nomeada em homenagem ao insigne Marechal Oswaldo Cordeiro de Farias, primeiro Comandante da ESG. A condecoração destina-se a homenagear e distinguir integrantes da Escola, personalidades nacionais ou estrangeiras, de reconhecida competência e notável saber, pelos serviços prestados. (Ascom Fiemg)
     

  4. UFJF firma parceria com ONU 
        A Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) tornou-se a primeira universidade brasileira a firmar parceria com o Escritório das Nações Unidas para a Redução de Riscos de Desastres. Conforme a instituição, este órgão interno da Organização das Nações Unidas (ONU) atua sob o conceito de cidades resilientes: aquelas capazes de resistir, de adaptar e de se recuperar de forma eficiente após um desastre. Segundo a UFJF, a ideia da parceria surgiu do entendimento da instituição em estar atenta aos problemas de toda a população. (Tribuna de Minas- Juiz de Fora) 
     

  5. Varginha recebe blitz do Crea
        Cerca de 100 obras vão ser fiscalizadas, em Varginha, pelo Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Minas Gerais (Crea-MG) até o fim desta semana. A blitz, iniciada no dia 09 de novembro de 2020, conta com uma equipe formada por quatro fiscais. O objetivo é reforçar as fiscalizações de rotina que já são realizadas pela Inspetoria. Durante a blitz, os fiscais verificam a presença de profissionais habilitados e a Anotação de Responsabilidade Técnica (ART) dos serviços de engenharia, agronomia e geociências. (Gazeta de Varginha) 
     

  6. Cemig faz melhorias em zona rural 
        A Cemig informa que vai realizar melhorias na rede elétrica da área rural de Muzambinho nesta semana. Equipes da empresa vão estar mobilizadas na substituição postes e na realização de outros serviços que visam garantir uma maior confiabilidade do fornecimento de energia no município. Para garantir a segurança durante a execução destes serviços, foi  necessário interromper o fornecimento de energia. (A Folha Regional- Muzambinho) 
     

  7. Articulação ganha apoio da Sudene
        A Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste – Sudene, entrou na articulação para viabilização do projeto de minério de ferro na região, cuja área abrange os municípios de Salinas, Grão Mogol, Padre Carvalho, Fruta de Leite e Josenópolis. O projeto é tocado pela multinacional Sul Americana Metais, que tem investimentos da China. O superintendente da Sudene, Evaldo Cruz Neto, se reuniu com o vice-governador da Bahia, João Leão, para discutir os anseios da empresa, que pretende construir um mineroduto cortando o Alto Rio Pardo até o Porto de Ilhéus, no Sul da Bahia. (Jornal Folha Regional- Taiobeiras) 
     

  8. TCU aponta 16 candidatos em SL 
        Em Sete Lagoas, 16 nomes de candidatos a prefeito e vereador aparecem na lista do Tribunal de Contas da União (TCU) por terem solicitado e recebido o auxílio emergencial do Governo Federal, mesmo tendo declarado à Justiça Eleitoral patrimônios superiores a R$ 300 mil.   Chama a atenção o nome do candidato a prefeito, Emílio de Vasconcelos, que é citado na relação como se tivesse recebido o auxílio residual de R$ 300. A solicitação do benefício, segundo o TCU, teria se dado por meio do aplicativo da Caixa Econômica Federal, mas fora cancelado depois da verificação do Tribunal. (Sete Dias- Sete Lagoas) 
     

© 2017 Folha da Manhã - Criado com o  Wix.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now