COLUNA MG

24 de março

Rede de Notícias Sindijori MG

Cepa do coronavírus encontrada assusta saúde

A constatação que Montes Claros registrou um paciente com a variante brasileira P.1 do coronavírus, que tinha sido identificada em Manaus, assustou as autoridades sanitárias de Montes Claros e como consequência, existe risco de medidas mais restritivas na cidade. Ontem, terminaram os feriados municipais fixados pelo prefeito Humberto Souto, mas até o dia 30 de março, a cidade estará enquadrada na onda roxa, do Estado, que delimita as ações produtivas. Porém, o prefeito Humberto Souto tem ficado pressionado com a insatisfação dos comerciantes e ainda mais com os protestos nas imediações de sua casa. (Gazeta Norte Mineira- Montes Claros)


 

Itabirito está entre municípios mais transparentes

Graças ao trabalho competente e à implantação do sistema de compliance na Prefeitura a partir de setembro de 2019, Itabirito alcançou o 17º lugar entre os municípios de Minas Gerais na Escala Brasil Transparente - Avaliação 360º, realizada pela Controladoria-Geral da União (CGU). "A total transparência e lisura das ações públicas são compromissos da gestão municipal. Itabirito evoluiu muito nos últimos meses, tanto em relação ao Portal da Transparência quanto aos dados disponíveis para toda a população. Esse resultado é fruto da dedicação da equipe da Controladoria e dos demais servidores públicos municipais, que rapidamente assimilaram a importância do compliance", destaca o prefeito Orlando Caldeira. (Jornal O Liberal- Itabirito)


 

Poços em 222º lugar em índice de sustentabilidade

Lançado nesta terça-feira, 23, o Índice de Desenvolvimento Sustentável das Cidades – Brasil (IDSC-BR) é um trabalho inédito do Programa Cidades Sustentáveis (PCS), em parceria com a Sustainable Development Solutions Network (SDSN), uma iniciativa da ONU para monitorar os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) em seus países-membros. O índice é resultado de um extenso trabalho de seleção, coleta e sistematização de dados de 770 municípios brasileiros, incluindo as capitais dos 26 Estados da Federação, além de cidades de todas as regiões metropolitanas e biomas do país. Ao todo, foram utilizados 88 indicadores de gestão relacionados aos diversos temas abordados pelos 17 ODS. (Jornal Mantiqueira- Poços de Caldas)


 

Chikungunya é registrado em Formiga

O primeiro caso de chikungunya foi registrado em Formiga, conforme divulgado pela Prefeitura Municipal. O paciente se trata de um homem, de 39 anos, morador do bairro Alto da Praia e está sendo acompanhado pela equipe médica da Unidade Básica de Saúde (UBS) da Vargem Grande. Este até o momento, é o primeiro caso da doença no município. Ainda de acordo com a prefeitura, houve um crescimento nos casos de dengue e o município corre grande risco de entrar em uma epidemia de dengue. Conforme a nota, o executivo tomará ações como visitas domiciliares que seguem os protocolos sanitárias da covid-19 pra eliminar possíveis focos, além de mutirões de limpeza. A pasta segue as orientações do Plano de Contingência de Enfrentamento às Arbovirores 2020/2021. (Jornal da Cidade MG- Lagoa da Prata)


 

Paracatu ganhará novo presídio

Na manhã desta segunda-feira (22), a Prefeitura de Paracatu firmou parceria com o Departamento Penitenciário de Minas Gerais (Depen-MG). O acordo tem como objetivo reorganizar as unidades prisionais do Noroeste, construindo em Paracatu uma repartição penitenciária regional que será referência na ressocialização de internos. A estrutura que será construída no município receberá um investimento de aproximadamente 25 milhões, comportando cerca de 388 detentos em uma área de 32 hectares. “É importante lembrar que dentro dos grupos de internos, nós possuímos profissionais de diversas áreas. Muitas vezes, esperando uma oportunidade para retomar suas vidas. Por isso, desempenhamos um trabalho gradual de recolocação social, tendo em vista que essas ações diminuem consideravelmente o nível de reincidência”, afirma Rodrigo Machado, diretor geral do Depen. (Paracatu News)


 

Mariana proíbe a venda de bebidas

Devido ao elevado número de casos positivos do novo coronavírus em Mariana (MG), e diante das taxas de ocupação de leitos estarem em sua capacidade máxima, a Prefeitura da cidade publicou nesta segunda-feira, 22, um novo decreto com medidas ainda mais restritivas. Conforme a publicação, fica suspensa a venda de bebida alcoólica no município. Postos de gasolinas, assistência à saúde humana e animal de urgência e emergência, farmácias, drogarias e óticas devem receber no estabelecimento, apenas um membro do núcleo familiar. Já os supermercados, açougues, padarias, lanchonetes, deverão controlar o acesso dos consumidores, mediante a disponibilização de fichas de controle do número de pessoas no interior, aceitando no estabelecimento, apenas um membro do núcleo familiar. (Jornal Voz Ativa- Ouro Preto)


 

Fabriciano adere a onda roxa

O prefeito de Coronel Fabriciano, Marcos Vinícius Bizarro (PSDB), anunciou, por meio de suas mídias sociais, que o município cumprirá com a decisão judicial, que obrigada a adesão à onda roxa do Minas Consciente. Com isso, o funcionamento do comércio não essencial terá restrições a partir desta quarta-feira, 24. A administração municipal também informou que discorda de tal decisão da Justiça da Comarca de Coronel Fabriciano e que já está recorrendo no Supremo Tribuna Federal (STF), após ter sido notificada na tarde desta terça-feira. O decreto de adesão à onda roxa estará publicado no Diário Oficial do município. De acordo com a Deliberação Estadual 130, que instaurou a onda roxa em Minas Gerais, os estabelecimentos considerados não essenciais ficam proibidos de receberem clientes em seu interior. (Diário do Aço- Ipatinga)

© 2021 Sindijori - Criado com o  Wix.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now