COLUNA MG

26 de Outubro

Rede de Notícias Sindijori MG
  1. Monlevade tem 43 denúncias 
        O aplicativo Pardal, criado pela Justiça Eleitoral para receber denúncias sobre irregularidades em campanhas eleitorais, recebeu até a tarde de quarta-feira, 21, mais de 2.100 denúncias só em Minas Gerais. João Monlevade é a cidade com mais protocolos abertos da região: 43, sendo uma das cidades que lideram o ranking dos protocolos de denúncias de irregularidades nas Eleições 2020 no Estado. Até quarta-feira, as dez cidades mineiras que tiveram mais denúncias foram: Belo Horizonte, com 225 protocolos abertos, Contagem 119, Uberlândia 98, Nova Lima 90, Ribeirão das Neves 79, Sabará 48, João Monlevade 43, Juiz de Fora 42, Uberaba 42, Vespasiano 32.  (Jornal A Notícia - João Monlevade) 
     

  2. Dia de combate ao feminicídio  
         A Lei 9.405, publicada ontem, institui o Dia Municipal de Combate ao Feminicídio e à Violência contra a Mulher. A data para as ações vai ser 10 de outubro e passa a constar no Calendário Oficial de Eventos Turísticos, Culturais e Desportivos da cidade. Neste dia vai haver eventos ligados à prevenção e medidas de enfrentamento e combate à violência contra a mulher, inclusive firmando parcerias para a promoção de atividades alusivas à conscientização e atenção sobre o tema. (Jornal Mantiqueira- Poços de Caldas) 
     

  3. Inflação em setembro é alta
        Uberlândia registrou, em setembro, uma variação de 0,76% no Índice de Preços ao Consumidor (IPC-Cepes). De acordo com o levantamento do Centro de Pesquisas Econômico-Sociais da Universidade Federal de Uberlândia (Cepes/UFU), o índice pode ser considerado a maior inflação registrada na cidade para um mês de setembro desde 2012, quando a taxa foi de 0,79%. O valor da cesta básica de alimentos também teve um aumento de 3,48%. O acumulado do ano a inflação em Uberlândia está em 2,20%, enquanto a variação acumulada nos últimos 12 meses é de 3,75%. (Diário de Uberlândia) 
     

  4. Indenizações chega a R$ 161 mi
        Em Mariana, o processo de indenização pelos danos provocados pelo rompimento da barragem de Fundão ocorre de forma diferente do restante dos municípios e pessoas afetadas ao longo da trajetória da lama. Isso em função do ajuizamento de Ação Civil Pública pelo MP e a uma decisão dos atingidos, que optaram por fazer o cadastro por meio da Assessoria Técnica Cáritas. Assim, o processo de indenizações foi iniciado em outubro de 2018, após um acordo celebrado na ação. (Portal da Cidade- Mariana) 


  5. Cultura LGBT+ é Patrimônio 
        A Cultura LGBT+ agora é Patrimônio Imaterial Cultural de Uberaba. Decreto municipal destaca que as manifestações culturais dessa comunidade são uma forma de pertencimento social, além de se traduzirem em lutas por resistência e existência. O registro é de responsabilidade da Seção Municipal de Patrimônio Histórico e Cultural (Sempac), organizado pela historiadora Maria Aparecida Manzan, a cientista social Lucimira Reis e a chefe de Departamento de Fomento à Cultura e Patrimônio Histórico da FCU, Maria Thereza Oliveira. (Jornal de Uberaba) 

  6. Mais de 500 incêndios em Arcos
        O Posto Avançado do Corpo de Bombeiros está na cidade há sete meses, prestando vários atendimentos ao município e à população. As negociações para implantação do posto começaram em 2017. De acordo com a assessoria de comunicação do Posto Avançado, nesses sete meses, 1.198 atendimentos já foram realizados, entre salvamento de pessoas, bens e animais; atendimentos pré-hospitalares, combate a incêndios, acidentes automobilísticos, ações de defesa e proteção civil. Em média, são feitos 171 atendimentos por mês. (Correio Centro- Oeste- Arcos) 
     

  7. Complexo de Saúde ganha prêmio nacional
        O Complexo de Saúde São João de Deus (CSSJD) se destacou nacionalmente mais uma vez. Em evento realizado por videoconferência nesta sexta-feira, 23, a instituição recebeu o prêmio ‘Excelência em Saúde 2020’, concedido pelo Grupo Mídia, em homenagem à sua atuação na última década na região Centro-Oeste. A premiação, criada em 2013, visa homenagear as instituições de saúde que mais se destacaram no Brasil. (Portal Agora- Divinópolis) 
     

© 2017 Folha da Manhã - Criado com o  Wix.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now