COLUNA MG

14 de Abril

Rede de Notícias Sindijori MG
  1. 780 podem perder emprego 
        Pelo menos 780 pessoas vão poder ficar desempregadas na cidade de São Lourenço como resultado do impacto no comércio devido a Pandemia do novo coronavírus (Covid-19), sendo que muitas delas já estão com a recisão dos contratos de trabalho em mãos. Pelo menos é o que aponta a projeção que consta no manifesto enviado a Prefeitura Municipal de São Lourenço pela Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), pela Associação Comercial e Empresarial de São Lourenço), também pelo São Lourenço Convention & Visitors Bureau e pelo Sindicato de Hospedagem e Alimentação de São Lourenço e Região. (O Popular Net- São Lourenço) 
     

  2. NM começa usar cloroquina 
        O Norte de Minas inicia nessa semana a usar o cloroquina nos pacientes com Covid-19. A decisão foi tomada durante reunião realizada nesta segunda-feira, 13, na Sala de Situação que analisa a evolução da pandemia do novo coronavírus no Norte de Minas. A coordenadora do Núcleo de Assistência Farmacêutica da Superintendência Regional de Saúde, Cynthia Antunes Barbosa revelou que nesta semana a SES-MG está repassando aos hospitais de referência da região o medicamento cloroquina, enviado ao Estado pelo Ministério da Saúde. (Gazeta Norte Mineira- Montes Claros)
     

  3. JF terá entrega de medicamentos
        Juiz de Fora começou a receber, a partir desta terça-feira, 14, o projeto piloto para a entrega domiciliar de medicamentos a pacientes com doenças pulmonares obstrutivas crônicas – grupo de risco para o novo coronavírus. O projeto é uma parceria entre o Governo do Estado de Minas Gerais e a empresa de transporte por aplicativo 99Pop, anunciada, nesta segunda, 13, pelo governador Romeu Zema, em visita à Universidade Federal de Minas Gerais. O objetivo é evitar a aglomeração de pessoas em filas às portas das farmácias regionais administradas pelo Estado. (Tribuna de Minas- Juiz de Fora)


  4. Obras do novo CTI são iniciadas
        Tiveram início as obras do novo Centro de Terapia Intensiva do Hospital Nossa Senhora da Conceição. O espaço será destinado para tratamento intensivo de pacientes diagnosticados com o novo Coronavírus. Após o término das obras, o hospital contará com 20 leitos de tratamento intensivo, como explica o prefeito Elias Diniz (PSD), que visitou, ao lado do secretário municipal de Saúde, Wagner Magesty, e do interventor do HNSC, Clelton de Faria Pacheco, as obras. De acordo com Elias, há muitos anos, o local também funcionava como CTI. (JC Notícias- Pará de Minas) 
     

  5. Plataforma permite oferta de serviços 
        Em tempos de pandemia do Covid-19, com isolamento social e restrições ao funcionamento de diversos tipos de empresas e serviços, o comércio e quem vive dele estão sofrendo as primeiras consequências da crise econômica. Pensando nisso, um grupo de voluntários em Araxá trabalhou e colocou no ar uma plataforma que reúne pequenos empresários e autônomos, que podem apresentar seus serviços e produtos, ganhando a chance de estar em atividade de uma forma segura e sem desrespeitar o isolamento. É o site Araxá Sem Corona, que pode ser acessado pelo endereço www.araxasemcorona.com.br. Empresas e profissionais já podem se cadastrar. (Diário de Araxá) 
     

  6. Hospital de campanha está pronto 
        Embora a cidade de 70 mil habitantes não tenha registrado, até o momento, nenhum caso de contaminação ou óbito pela covid-19, começou a funcionar, na manhã desta segunda-feira, 13, o hospital de campanha montado pela Prefeitura de Ouro Preto (MG), com o objetivo de combater a pandemia causada pelo novo coronavírus. O espaço que já abrigou uma fábrica de tecidos e que agora é uma área de eventos de propriedade do próprio município, conta com 50 leitos, quatro respiradores, banheiros, posto médico, enfermarias infantil, feminina e masculina, além de expurgo e depósito de material de limpeza. (Jornal Voz Ativa- Ouro Preto)

  7.   

  8. Espaço virtual é oferecido
        O isolamento social provocado pela pandemia do novo coronavírus fez com que a Secretaria Municipal de Cultura disponibilizasse um novo espaço no site da Prefeitura de Uberlândia, o “Cultura em Casa”. No ambiente virtual, a população uberlandense pode encontrar diversos materiais artísticos, como vídeo-oficinas, apresentações e cartilhas com informações sobre o patrimônio histórico da cidade. Já disponível para visitação, o Cultura em Casa vai ser abastecido semanalmente com vídeos de apresentações de danças, teatros e musicais. (Diário de Uberlândia)

© 2017 Folha da Manhã - Criado com o  Wix.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now