COLUNA MG

21 de Dezembro

Rede de Notícias Sindijori MG

Carroças estão proibidas de circular em JF

Sancionada em dezembro de 2014, a Lei municipal 13.071, que institui a Política Municipal de Utilização Sustentável dos Veículos de Tração Animal (VTA) em Juiz de Fora, prevê que cinco anos após sua publicação as carroças vão estar proibidas de circular nas vias públicas da cidade. O fim do prazo para que a vedação entre em vigor acontece nesta sexta-feira, 20, e tem preocupado carroceiros e representantes dos trabalhadores que ainda tiram o sustento de suas famílias da prática. De acordo o texto da legislação, a partir desta sexta, 20, aqueles que forem flagrados desrespeitando a proibição vão ficar sujeitos a multa de R$ 500. (Tribuna de Minas- Juiz de Fora)


 

Barbacena recebe competição de pássaros

No próximo dia 29, Barbacena recebe o Mega Torneio dos Campeões, promovido pelo Clube dos Criadores de Pássaros de Barbacena. As modalidades se dividem em Canário Belga, Coleiro, Trinca-Ferro, Bicudo e Canário da Terra. Vai haver premiações para os campeões da temporada e para os participantes do dia. Os resultados oficiais vão ser divulgados no site centraldosresultados.com. Segundo os organizadores, a expectativa é que cerca de cem criadores participem desta última etapa de 2019. O evento acontece na quadra do Ginásio Poliesportivo do Santo Antônio. (Folha de Barbacena)


 

Uberlândia tem inflação de 0,59%

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) de Uberlândia do mês de novembro apresentou variação de 0,59%. O registro foi realizado pelo Observatório de Preços do Centro de Estudos, Pesquisas Econômico-Sociais da Universidade Federal de Uberlândia (Cepes/UFU). Em relação ao mês outubro (0,06%), a variação foi de 0,52%. No acumulado dos últimos doze meses ela ficou em 3,02%, enquanto que a variação acumulada no ano de 2019 foi de 2,64%. O grupo que mais impactou o aumento nos preços foi o de Alimentação e bebidas, sendo o item Carnes o de maior variação: de 1,57% para 11,77% na comparação entre outubro e novembro. (Diário de Uberlândia)


 

Sindicato da Construção fecha as portas

O sindicalismo de João Monlevade passa por uma baixa nunca antes vista. O presidente do Sindicato da Construção Civil da cidade, Gilson Santiago, anunciou, nesta semana, o fechamento da entidade de 31 anos. Único presidente da entidade durante toda a sua existência, Gilson atribui a extinção ao fim do Imposto Sindical obrigatório, decretado em 2017 no conjunto da Reforma Trabalhista. O fim do desconto obrigatório, que era feito mesmo para não-filiados, minou os recursos do sindicato, que deixa de existir em janeiro de 2020. Nos últimos meses, segundo Gilson, a procura pela regularização de rescisões contratuais, antes obrigatória, despencou, o que deixou o sindicato sem muitas atribuições. (Jornal A Notícia- João Monlevade)


 

Mirante Cirene Albergaria tem placa

Ela compõe a paisagem natural da Ibituruna, cartão postal mais famoso da cidade, mas o que pouca gente sabe é que a instalação da imagem de Nossa Senhora das Graças, disposta no ponto mais alto de Valadares, foi incentivada por Cirene Albergaria, primeira-dama do município durante os mandatos do ex-prefeito Raimundo Albergaria. Como forma de reconhecimento pela importante contribuição que deu à cidade, ela vai ser homenageada, dando o nome a um mirante no pico da Ibituruna, nesta quinta-feira, 19. O descerramento da placa do “Mirante Cirene Albergaria” vai acontecer próximo à imagem de Nossa Senhora das Graças -, em solenidade aberta à comunidade. (Diário do Rio Doce- Governador Valadares)


 

UFTM e TJMG realizam acordo de cooperação

A Universidade Federal do Triângulo Mineiro e o Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais (TJMG) firmaram um Acordo de Cooperação Técnica voltado para o desenvolvimento de projetos e ações de preservação do acervo documental da comarca de Uberaba. Com o acordo, a UFTM, por meio de seus representantes, vai participar de todas as atividades diretamente relacionadas ao funcionamento da Memória do Judiciário em Uberaba. De acordo com o documento, o acordo tem o prazo de vigência de 60 meses, nele a UFTM deve designar membros que vão compor a comissão de apoio aos trabalhos. (Jornal da Manhã- Uberaba)


 

Rio Paraopeba será monitorado por plano

O Governo de Minas aliou inovação e experiência para dar um importante passo na modernização da gestão hídrica das bacias no Estado: O governador aprovou o Plano Diretor de Recursos Hídricos (PDRH) para a Bacia Hidrográfica do Rio Paraobepa. Localizada na região Sudeste do estado, que abrange 48 municípios com população aproximada de 2 milhões de habitantes. O plano é o primeiro do país elaborado a partir de metodologia inédita, desenvolvida pelo Instituto Mineiro de Gestão das Águas (Igam) e baseada em indicadores previamente definidos e capazes de avaliar a efetividade das ações implementadas. (JC Notícias- Pará de Minas)

© 2017 Folha da Manhã - Criado com o  Wix.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now