COLUNA MG

30 de Outubro

Rede de Notícias Sindijori MG

Secretaria desmente surto em Varginha

A Secretaria Municipal de Saúde de Varginha, através do Setor de Epidemiologia, desmentiu que esteja ocorrendo surto de Meningite na cidade. Segundo a secretaria, “no mês de outubro, ocorreram dois óbitos confirmados para meningite. Em ambos os casos o atendimento foi rápido, onde os pacientes receberam os atendimentos necessários, porém apesar de todo o atendimento prestados, infelizmente os pacientes evoluíram a óbito”, informou em nota. “Diante da ocorrência dos casos, a equipe de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde adotou medidas profiláticas, de prevenção e controle da doença, junto aos familiares e locais frequentados de forma contínua pelos pacientes”, continua a nota. (Correio do sul – Varginha)

 

Número de feriados prolongados triplica

O ano de 2020 vai ter nove feriados prolongados para os moradores de Uberlândia, mais que o triplo que em 2019. A maior parte é de datas comemorativas nacionais, sendo seis delas. Outros três feriados municipais vão poder estender a folga dos trabalhadores locais. A quantidade de feriados é vista pelos setores de comércio, indústria e serviços de maneiras diferentes, quase sempre negativa, em decorrência dos potenciais prejuízos gerados. O calendário de Uberlândia, divulgado no dia 24 de outubro por meio do Diário Oficial do Município, também prevê seis datas com pontos facultativos para o funcionalismo municipal. (Diário de Uberlândia)

 

Renova apresenta dados sobre indenizações

A Fundação Renova esclarece que destinou, até 31 de agosto, R$ 1,84 bilhão em indenizações e auxílios financeiros emergenciais para cerca de 320 mil pessoas. Foram pagas 9.120 indenizações e 1.905 antecipações de indenização em razão dos danos gerais sofridos, alcançando mais de 31 mil pessoas. Das propostas apresentadas, 98,6% foram aceitas. A Fundação também indenizou mais de 264 mil pessoas por danos decorrentes da suspensão temporária, por mais de 24 horas ininterruptas, no abastecimento de água. A partir da entrega dos dossiês produzidos pela Cáritas, assessoria técnica que apoia os atingidos, as famílias de Mariana estão negociando as indenizações por danos materiais e dano moral. (Portal da Cidade- Mariana)

 

Ufsj recebe prêmio internacional

A Universidade Federal de São João del-Rei foi premiada pela empresa Web of Science Group, como a instituição brasileira com maior impacto de pesquisa nas áreas de ciências exatas e da natureza no mundo. A UFSJ recebeu nota 2,53 em relatório elaborado pela Clarivate Analitycs. Nenhuma outra instituição obteve nota superior a 2 neste quesito. A pesquisa ainda analisou outras áreas de conhecimento. No resultado geral a UFSJ ficou em segundo lugar com 1,54. A nota média global foi 1. É critério para essas pontuações, as citações das produções da UFSJ por outros cientistas internacionalmente, o que mensura o valor desses números. De acordo com a pesquisa, 15 universidades públicas produzem 60% da ciência brasileira. (Gazeta de São João Del Rei)

 

Lei municipal garante acolhimento familiar

Uberaba vai passar a contar com mais um serviço que visa ao bem-estar de crianças e adolescentes. O “Família Acolhedora” garante que crianças com até 12 anos e adolescentes com até 18 anos possam ser acolhidos por famílias “temporárias”. A votação do projeto aconteceu nesta terça-feira, 29, na Câmara Municipal e foi aprovada por unanimidade. O projeto propõe a colocação destas crianças e jovens no convívio familiar e é tratado como uma medida protetiva provisória e excepcional, por determinação da autoridade judiciária competente, por meio da guia de acolhimento, conforme preconiza o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). (Jornal da Manhã - Uberaba)

 

Norte tem associação para fomentar turismo

Os municípios do Norte de Minas participaram nesta quarta-feira, 29, em Belo Horizonte, de reunião organizada pela Federação dos Circuitos Turísticos de Minas Gerais (Fecitur), quando aproveitaram para criar a Associação dos Gestores Municipais de Turismo do Norte de Minas, a ser empossada no dia 13, durante encontro em Grão Mogol. A iniciativa é do turismólogo montes-clarense Ítalo Bichara, que é funcionário do Ministério do Turismo e está fazendo diagnostico sobre o fomento da atividade turística na região. Ele anunciou a criação do Observatório do Turismo do Norte de Minas. A criação da Associação dos Gestores, segundo Ítalo Bichara, é uma forma de unir todos dirigentes municipais para incrementar o turismo no Norte de Minas. (Gazeta Norte Mineira- Montes Claros)

 

Consumo de água cresce desde a crise hídrica

O consumo de água em Juiz de Fora está elevado. De acordo com levantamento da Cesama, entre janeiro e setembro deste ano, cada habitante utilizou, em média, 161,8 litros de água diariamente. Para se ter ideia, o valor é 47% superior ao preconizado como essencial pela Organização Mundial da Saúde (OMS), que são 110 litros, e acima do registrado em anos anteriores. Em 2018, por exemplo, a população consumiu, em média diária, 156,8 litros de água, 3% a menos que o registrado atualmente. Na verdade, de acordo com a companhia de abastecimento, os juiz-foranos voltaram ao hábito de consumo no mesmo patamar de 2013, ano que antecedeu a crise hídrica que causou desabastecimento no Sudeste do país em 2014 e 2015. (Tribuna de Minas- Juiz de Fora)

© 2017 Folha da Manhã - Criado com o  Wix.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now