COLUNA MG

08 de Julho

Rede de Notícias Sindijori MG
  1. Parques terão recurso de multa
    Multa de R$ 250 milhões aplicada pelo Ibama à Vale, após a tragédia em Brumadinho vai ser investida em parques nacionais e ações de saneamento em Minas. Um dos objetivos é alavancar o setor do turismo, que amarga perdas de R$ 5 bilhões e 70 mil demissões. Sete unidades de conservação no território mineiro vão receber R$ 150 milhões. São elas: Serra do Cipó, e Sempre-Vivas, na região Central, Serra do Caparaó, na Zona da Mata, Grande Sertão Veredas, e Cavernas do Peruaçu, no Norte, Serra da Canastra, no Centro-Oeste, e Serra do Gandarela, na Grande BH. (Jornal O Norte- Montes Claros) 
     

  2. Centro Municipal é inaugurado 
    A Secretaria Municipal de Saúde de Uberaba, inaugurou nesta quarta-feira, 8, o Centro Municipal de Diabetes e Hipertensão (Cemdhi). A unidade vai atender hipertensos e diabéticos de difícil controle e obesos mórbidos, segundo a chefe do Departamento de Atenção Especializada, Sheron Hellen da Silva. “É uma unidade que vai atender de forma referenciada pela Atenção Básica. Isso quer dizer que o médico da Atenção Básica terá assessoramento dos médicos do Cemdhi para manter o atendimento nas UBSs. (Jornal da Manhã- Uberaba) 
     

  3. Arcos recebe mais de R$ 1 milhão 
    O Programa Federativo de Enfrentamento ao Coronavírus para estados, Distrito Federal e municípios prevê a negociação de empréstimos, a suspensão dos pagamentos de dívidas contratadas com a União e a entrega de R$ 60 bilhões para os governos locais aplicarem em ações de enfrentamento à pandemia. O secretário municipal de Fazenda de Arcos, Dênio Dutra, informou que o município recebeu os valores referentes à primeira, das quatro parcelas, em 09 de junho. São R$145.168,40 para o enfrentamento ao coronavírus e R$960.123,63 para reposição da perda de receita. Portanto, o valor total recebido em junho foi de R$ 1.105.292,03. (Correio do Centro- Oeste- Arcos) 
     

  4. Amog cria Comitê Regional
    A Associação dos Municípios da Microrregião da Baixa Mogiana, em Guaxupé, criou um Comitê Regional para a elaboração de um protocolo comum para todos os municípios da região. O comitê vai ser formado pelo Secretário Municipal de Saúde de cada município da Amog. Para tanto, o trabalho vai ser conjunto, envolvendo as áreas política e técnica. Uma reunião está prevista para acontecer com representantes dos comitês de cada cidade, visando a formalização de um protocolo regional. (Folha Regional- Muzambinho)
     

  5. MPF recomenda avaliação 
    O Ministério Público Federal (MPF) em Uberlândia  recomendou à Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) que determine às concessionárias de rodovias federais a realização de uma auditoria de segurança viária para avaliar a correta instalação e conservação dos terminais absorvedores de energia, também chamados terminais de impacto. Outro documento foi expedido ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), mas, neste caso, para que o órgão federal contrate uma auditoria independente com a mesma finalidade. O terminal absorvedor de energia é um dispositivo que visa reduzir os efeitos nocivos de um acidente. (Diário de Uberlândia) 
     

  6. Araxá registra redução significativa
    Nos primeiros seis meses de 2020 a Secretaria Municipal de Saúde de Araxá registrou um total de 115 casos positivos de dengue. O número é bem inferior aos apresentados no mesmo período de 2019 quando haviam 1.120 pacientes diagnosticados com dengue em Araxá. A enfermeira Camila Caixeta, coordenadora de Vigilância em Saúde, afirma que o resultado em relação a Zika e Chikungunya foram ainda melhores. Houveram três casos notificados de Zika e outros 2 de Chikungunya, todos descartados. (Diário de Araxá)
     

  7. Consórcio faz doação de EPIs
    O Consórcio Intermunicipal de Saúde Entre os Vales do Mucuri e Jequitinhonha está fazendo a distribuição de materiais e EPIs, recebidos como doação do Governo de Minas, aos municípios desta região para o enfrentamento ao coronavírus. Aos 27 municípios que integram o Consórcio de Saúde Entre os Vales do Mucuri e Jequitinhonha, foram entregues um total de 4.370 aventais, 91.500 luvas, 17.890 máscaras cirúrgicas, 1.600 máscaras N95, 1.205 óculos, 810 protetores faciais e 9.140 toucas. (Diário Tribuna- Teófilo Otoni)
     

© 2017 Folha da Manhã - Criado com o  Wix.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now