COLUNA MG

25 de Maio

Rede de Notícias Sindijori MG
  1. Redução no número de doações 
    O Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia, mesmo durante a pandemia do novo coronavírus, segue recebendo doações através do Banco de Leite Humano. Contudo, a unidade está registrando queda no número de doadoras e arrecadações mensais desde o aumento da proliferação da Covid-19 na cidade. A coordenadora do Banco de Leite Humano, Marília Neves Santos, conta que nos últimos três meses houve uma diminuição de 26% na quantidade de mães que colaboram mensalmente com a unidade de saúde. (Diário de Uberlândia) 
     

  2. Faop lança mostra virtual
    Em comemoração ao Dia do Artista Plástico, comemorado no dia 8 de maio, a Fundação de Arte de Ouro Preto (Faop) tem lançado em suas redes sociais, conteúdos da mostra final dos alunos do Núcleo de Arte. A exposição, que vai ser experimentada nesse momento apenas virtualmente, reúne trabalhos realizados ao longo do ano de 2019, por crianças, jovens e adultos, nas áreas de desenho, pintura, cerâmica, monotipia e xilogravura, gravura em metal, além de estamparia, papel e tecido marmorizados e encadernação. (Jornal Ponto Final- Mariana) 
     

  3. MOC realiza projeto online
    O  Instituto de Ciências Agrárias da Universidade Federal de Minas Gerais, sediado em Montes Claros, iniciou um projeto para apoiar os candidatos ao Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A iniciativa reuniu questões de Ciências da Natureza de exames realizados em anos anteriores e vai oferecer semanalmente um formulário com perguntas e feedback aos participantes. O Programa de Educação Tutorial Enem vai ser oferecido por meio da ferramenta Google Forms. (Gazeta Norte Mineira- Montes Claros) 
     

  4. MPT recomenda ação 
    O Ministério Público do Trabalho encaminhou uma recomendação às Superintendências Regionais de Saúde de Varginha e de Passos para que os 77 municípios que integram as suas respectivas circunscrições considerem como dados epidemiológicos o local de trabalho e atividade profissional de suspeitos e contaminados de covid-19. Os dados coletados vão ser considerados para adoção de medidas preventivas no combate a doença. Por meio de um protocolo para colheita, tratamento e acompanhamento das informações, vão ser identificados os espaços com grande potencial de disseminação do vírus. (Gazeta de Varginha) 
     

  5. Festival será por delivery 
    Com 13 edições já realizadas, o Festival de gastronomia Rural de Itapecerica vai ser realizado de uma maneira diferente em 2020, por meio do sistema de delivery. O evento se tornou, ao longo dos anos, uma verdadeira referência em sua categoria e um grande sucesso, com reconhecimento em toda Minas Gerais. Diante da pandemia ocasionada pelo novo coronavírus, vai ser montado um cardápio, no qual os cozinheiros vão apresentar o prato, e os clientes vão fazer os pedidos por telefone. (Jornal Nova Imprensa- Formiga)
     

  6. Comércio restringido em Nanuque
    O prefeito de Nanuque, Roberto de Jesus, baixou decreto que normatiza medidas de segurança no combate ao coronavírus e que entrou em vigor ontem. O decreto reconhece como fundamentais as medidas adotadas pela OMS – Organização Mundial de Saúde e determina a obrigatoriedade de ações profiláticas por parte da população como o uso de máscaras e álcool em gel (70º). Restringe à 10, o número de pessoas em velórios e proíbe reuniões de cultos religiosos, clubes de serviço, entidades filantrópicas ou qualquer outra que enseje aglomeração. (Em Tempo – Nanuque)

    ‘Escola em Casa’ é vetado
    A Câmara aprovou projeto de autoria do vereador Joel Arruda que permite aos pais que assim desejarem oferecer o ensino fundamental a seus filhos. Na prática, as crianças não precisariam ir à escola e receberiam em casa o ensinamento necessário para aprender. O prefeito municipal propôs veto ao projeto por “vício de iniciativa”, isto é, não cabe ao Município legislar sobre a questão, o que já foi, inclusive, objeto de decisão dos tribunais superiores. Na justificativa do veto, o prefeito elenca uma série de artigos da Constituição que apontam a impossibilidade de a Câmara legislar sobre a questão. (Folha do Povo – Itaúna)
     

© 2017 Folha da Manhã - Criado com o  Wix.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now