COLUNA MG

28 de Junho

Rede de Notícias Sindijori MG

Vítimas de violência serão reinseridas

Reinserir mulheres vítimas da violência no mercado de trabalho é um dos objetivos do projeto Porta da Cidadania. O lançamento da iniciativa aconteceu nesta quinta-feira, 28, na Casa da Mulher, região central de Juiz de Fora, e marca os 5 anos da instituição de acolhimento municipal, comemorados em maio. O programa é fruto de parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo (Sedettur), Procon, Sebrae e Senac. Desde sua inauguração, em 2013, a Casa da Mulher já realizou mais de 12 mil atendimentos, incluindo apoio psicológico, social e orientação jurídica. (Tribuna de Minas – Juiz de Fora)

 

Zona rural sofre com longa estiagem

A falta de chuva em Montes Claros não tem prejudicado somente a população que vive na área urbana, que convive com o racionamento de água há mais de dois anos. Segundo um levantamento da Emater, 20% da população rural está enfrentando uma grave estiagem, o que levou o município a decretar estado de calamidade em 37 comunidades. São 3.500 pessoas tendo que viver sob uma forte escassez hídrica que afetou a rotina dessa população, o desenvolvimento da lavoura e os animais. A Secretaria de Agricultura está enviando caminhões-pipa para abastecer as comunidades, mas a ajuda chegou a apenas 864 dos atingidos pela seca. (O Norte de Minas – Montes Claros)

 

Cemig investe em 19 novas subestações

Entre 2015 e 2018, a Cemig investiu R$ 396.983.559,25 na implantação de 19 subestações de energia em Minas Gerais. No Noroeste de Minas Gerais, foram investidos R$ 24.278.000,00 com a construção de três subestações de Francisco Sá, Unaí e Lagoa Formosa. Além de aumentar a disponibilidade de cargas, as subestações tornam mais estável o fornecimento de energia elétrica. De acordo com o superintendente de Gestão de Ativos da Distribuição da Cemig, Danilo Gusmão, cada nova subestação reduz até dez vezes o risco de queda de energia. Outros grandes centros contemplados com a implementação dos equipamentos foram as cidades de Juiz de Fora, na Zona da Mata, e Uberlândia, no Triângulo. (Rede Sindijori)

 

Centro Socioeducativo continua interditado

Está sob análise do Tribunal de Justiça de Minas Gerais recurso do Estado de Minas Gerais contra decisão do juiz da Vara da Infância e Juventude de Uberaba, Luiz Augusto de Souza Melo, que determinou a interdição total do Centro Socioeducativo de Uberaba (Cseur). Continua valendo a decisão proferida no âmbito da Ação Civil Pública ajuizada pelo Ministério Público após vistoria da Vigilância Sanitária Estadual constatar problemas na infraestrutura do imóvel. O magistrado decidiu que os internos serão transferidos para outras unidades de internação, sob pena de multa diária de R$5 mil, a ser revertida ao Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Uberaba (Fumdicau). (Jornal da Manhã – Uberaba)

 

TG de Muriaé comemora 72 anos

Os 72 anos de fundação do Tiro de Guerra 04-016 de Muriaé foram comemorados durante solenidade na manhã de terça-feira, 26, em sua sede, na Barra. O evento foi marcado por desfile militar e entrega de homenagens. Órgão parceiro da Prefeitura, o TG transmite aos jovens atiradores valores como civismo, patriotismo e cidadania. Durante a solenidade, além do desfile dos atiradores, houve a entrega do Diploma "Amigo do Tiro de Guerra" a pessoas que colaboram com o TG. Criado em 26 de junho de 1946, o Tiro de Guerra 04-016 é um dos mais antigos da 4ª Região Militar de Minas Gerais em funcionamento, atuando na formação da reserva não remunerada do Exército Brasileiro. (Gazeta de Muriaé)

 

Uberlândia se destaca no “Minas Music”

A votação popular para o concurso de bandas “Minas Music”, 10ª edição, chega à reta final. Os internautas têm até amanhã, 28, para votar em seu artista favorito pelo site do festival. O concurso teve 60 inscrições de 14 cidades mineiras. Foram selecionados para a segunda etapa 17 artistas. Uberlândia tem dez representantes na briga: Imune, Tom da Corte, Duda in the Sky, Johnny Nunes, Dino Fonseca, Diano Ilha, Maikai, Vini Moura, Imune e Mari Simões. Os outros concorrentes são: Verdadeiro Motivo, Daparte e Zevinipim, de Belo Horizonte; Baralho de Curingas, Sala 14 e Erva Matt, de Uberaba; Balli, de Juiz de Fora e Sapotchen, de Sabará. (Diário de Uberlândia)

 

Gonzaguinha é homenageado em musical

O emocionante musical Gonzaguinha chega a Varginha para contar a história de um dos maiores compositores e intérpretes brasileiros, em uma obra que reúne artes cênicas e música. O show é no sábado, 30, às 20h, no Theatro Municipal Capitólio. Os ingressos custam R$30,00. Na bilheteria do teatro, eles serão vendidos ao valor de R$ 60,00 inteira / R$ 30,00 meia-entrada. Com o intuito de preservar a memória desse ícone da MPB, o espetáculo vem agora encantar o público sul-mineiro, apresentando passagens da vida do artista que iniciou uma trajetória na década de 1960 em meio aos tropeços da ditadura militar e seguiu cantando seus amores e anseios pela vida. (Gazeta de Varginha)

Baixe o arquivo >>

© 2017 Folha da Manhã - Criado com o  Wix.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now