COLUNA MG

28 de Julho

Rede de Notícias Sindijori MG

UPAs estão com falta de leitos

A demora para a transferência de pacientes das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) para hospitais tem prejudicado muitos que chegam com complicações até as instituições e que dependem dos procedimentos do Sistema Único de Saúde (SUS). A situação vai além dos pacientes com suspeita de câncer. A falta de leitos hospitalares na rede conveniada tem sido a principal justificativa para o entrave no fluxo de atendimento. A Secretaria de Saúde de Juiz de Fora afirmou que a sazonalidade contribui para que haja uma redução no número de vagas disponíveis, uma vez que pacientes idosos e de demais grupos de risco tendem a ficar mais vulneráveis nesta época mais fria do ano. (Tribuna de Minas – Juiz de Fora)

 

Setores da saúde suspendem convênio

Cerca de 27 mil servidores beneficiários do Instituto de Previdência do Estado de Minas Gerais (Ipsemg) estão com dificuldades para conseguir atendimento médico em Montes Claros. Devido à falta de repasse de recursos do governo do Estado, a rede assistencial credenciada vem suspendendo os serviços há dois meses. Várias clínicas e laboratórios já fecharam as portas para os servidores e dependentes e a Santa Casa também não atende mais pelo convênio. Apenas o Hospital das Clínicas Dr. Mário Ribeiro manteve o serviço. (O Norte de Minas – Montes Claros)

 

Campanha arrecada mais de 79 mil peças

A Campanha do Agasalho 2018 “Quebre Gelo, Doe Amor” já ultrapassou a meta estabelecida para arrecadação em mais de 19 mil itens doados. Último balanço parcial, divulgado nesta quinta-feira, 26, pela Prefeitura de Uberaba, registrou 79.128 peças, entre roupas de cama, agasalhos e cobertores, sendo que o objetivo era 60 mil. A campanha segue até 31 de julho e quem tiver dúvidas sobre como doar pode entrar em contato pelo telefone 3331-2433. Mais de 40 instituições filantrópicas e oito unidades do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) já foram beneficiadas com as doações. (Jornal da Manhã – Uberaba)

 

Queimadas já afetam qualidade do ar em SL

As tendências do clima seguem o padrão da época, mas o histórico flagelo das queimadas já afeta a qualidade do ar e preocupa moradores de Sete Lagoas e região. Daniel Pereira Guimarães, pesquisador e coordenador da Estação Meteorológica da Embrapa, destacou que o tempo segue dentro dos padrões do Inverno. Com clima seco e tendência de aumento da poluição atmosférica. O pesquisador lembrou que a baixa nebulosidade (falta de nuvens no céu) contribui para a perda de calor da terra para o espaço durante a noite a as manhãs continuam frias, mas a temperatura aumenta rapidamente após o nascer do sol. (Sete Dias – Sete Lagoas)

 

Cartórios são habilitados a fazer apostilamento

Os cartórios de Varginha estão habilitados a fazer apostilamento de documentos para uso no exterior, segundo informação divulgada nesta quarta-feira, 25, pelo CNJ. Desde 2016, quando entrou em vigor a Convenção da Haia, os serviços de notas e de registro de todas as capitais brasileiras e do Distrito Federal são obrigados a oferecer o serviço, conforme dispõe a Resolução n. 228/2016, do Conselho Nacional de Justiça, mas, mesmo facultativa, a interiorização já estava presente em todo o território nacional. Em dezembro de 2017, mais de seis mil serventias estavam habilitadas a realizar o apostilamento. (Gazeta de Varginha)

 

Divinópolis tem 42 crianças à espera de adoção

No próximo dia 13, juízes, promotores, defensores públicos e outras autoridades deverão conhecer a nova versão do Cadastro Nacional de Adoção (CNA), atualizada com sugestões oferecidas por profissionais que atuam em várias cidades brasileiras — entre elas, Divinópolis. Segundo o CNA, o Brasil tem cerca de 43 mil candidatos a pai e mãe adotivos aptos a adotar algum dos oito mil pequenos disponíveis. A quantidade de possíveis pais é cinco vezes maior. Ou seja: a conquista de novas famílias para tantos meninos e meninas poderia ser bem mais rápida se atual o caminho para isso não fosse tão burocrático. Dificuldade que também é percebida em Divinópolis. Segundo o setor de atendimento psicossocial do juizado da Infância e Juventude, a cidade tem 65 pessoas aptas a adotar. Só em junho deste ano, havia 42 crianças e adolescentes à espera de um lar. (Jornal Agora – Divinópolis

 

Muriaé dá desconto para conta de água

"Recuperação de Crédito II" é o nome da campanha da Prefeitura de Muriaé, realizada pelo Demsur, que concede descontos de até 80% em pagamentos à vista ou permite que contribuintes possam parcelar em até 36 vezes (sem desconto) os seus débitos. O consumidor que estiver interessado em regularizar a sua situação deve procurar a instituição até a próxima terça-feira (31). A campanha dá oportunidade para muriaeenses regularizarem as suas pendências, evitando possíveis cortes de água em suas residências. O parcelamento varia respeitando a quantia mínima de R$50 por parcela, assim como o percentual de desconto oscila conforme o saldo devedor. (Gazeta de Muriaé)

Baixe o arquivo >>

© 2017 Folha da Manhã - Criado com o  Wix.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now